Me Likeia!

24/08/2009

Sei lá, só sei que sou assim!



Eu cá, ele lá. Sempre foi assim. Mas eu achava que ele já conhecia o estopim curto. Não ele não conhecia, mas eu lhe apresentei um dia.

- Marise, você tem ai super bonder?

- Não, não temos. Na lista de material não tem super bonder. Se você precisa, vai ter que fazer a solicitação de compra pelo seu departamento justificando o uso.

- Ok, farei isso.

No outro dia:

- Marise, você tem super bonder?

- Não.

Três dias depois:

- Marise, você tem super bonder?

- Aqui não é mercado não, eu tenho material de escritório, super bonder ainda não é considerado material de escritório.

Uma semana depois:

-Marise, você tem super bonder?

-Cara, se você me perguntar de novo se eu tenho super bonder eu vou apelar e vou brigar feio com você! Eu não tenho super bonder, eu não vou ter super bonder! Daqui a um ano, não me pergunte se eu tenho super bonder, porque mesmo se eu tiver vou dizer que não tenho, só porque você me pergunta todo dia se eu tenho super bonder!

Nunca mais ele perguntou. Outro dia passou sorrindo e só disse assim:

- Na recepção tem super bonder! Eu nem ri.

Mudamos e ele ficou pra trás, mesmo quando mudar não vai trabalhar no mesmo andar que eu. Agora tenho um novo colega que no antigo local trabalhava na sala no 2º andar, agora trabalha no quadrado ao lado, perto demais.

Primeira semana trabalhando juntos, ele me olha e diz:

- Marise você tem super bonder?

- Não.

Que vontade de rosnar!


Hoje.


- Ei Valdir, você esqueceu de mim, né? Tudo bem, não tem problema, sei que você está ocupado, mas quando você puder, será que pode mudar os telefones de lugar? Mas quando você puder, claro! (Tática da boa educação e paciência, sempre dá certo).

- Eu chego ai daqui há pouquinho, estou indo.

Cinco minutos depois ele chega, fiquei surpresa. Trocou o telefone de lugar rapidinho, perguntou se estava bom, eu agradeci muito.

Antes de sair ele diz:

É, a Marise não é bicho de criar dentro de casa não. Tem que criar ela no quintal, amarrada, dentro de um buraco com grade e jogar comida de longe, se colocar a mão, volta sem. Dentro de casa não pode, ela estranha até o próprio dono.

Durante meia hora eu enxuguei as lágrimas que me saltavam aos olhos de tanto rir. Os colegas devem estar rindo até agora.

Eu nunca tinha sido descrita com tanta perfeição.

 

Fofocas de Marte! Copyright © 2009 Flower Garden is Designed by Ipietoon for Tadpole's Notez Flower Image by Dapino

Layout by NEIVA