Me Likeia!

24/05/2011

Eu Ganho Para Rir!



Eu tenho um colega que sempre diz que no final do mês ele ganha muito pra rir e às vezes até sente vontade de devolver uma parte do salário, depende do quanto ele riu. A gente pode trabalhar, mas rimos muito e hoje foi dia de gargalhadas! Nada como um dia atrás do outro!

No endereço novo tem uma sala que se você olhar rápido vai achar que foi projetada pelo Steven Spielberg para uma série especial de ficção científica. Só algumas pessoas são autorizadas a entrar nesta sala, pobres mortais como eu que não têm o charme necessário só entram em caso de urgência, ou seja, se houver uma fofoca muito boa! As salas ao lado também são todas lacradas e o acesso negado à maioria dos funcionários, nestas salas a vida é tecnológica e quase espacial.

Pois bem, ontem à noite um colega recebeu a ligação do chefe pedindo para procurar um técnico dentro de umas salas Spilberguianas, o colega nº 1 foi, olhou e a porta fechou automaticamente. Ninguém do lado de fora tinha o cartão de acesso às salas e ele ficou lá por mais de 20 minutos. Foi quando o colega nº 2 que tinha ficado trabalhando sentiu falta dele porque alguém berrava no viva voz do telefone (os telefones parecem ter sido criados por George Lucas), era o chefe que cansado de esperar tentava mostrar que ainda estava vivo e aguardando. O colega nº 2 foi até o Segurança e perguntou se ele tinha visto o colega nº 1, resposta:

Vi sim, ele está em uma sala fazendo polichinelo, ficou um tempão brincando comigo pela câmera!

O colega nº 2 estava chocado quando disse que ele não estava brincando, ele estava preso e não tinha como sair da sala! O colega preso fez de tudo para chamar a atenção do Segurança, tentou até achar um papel e uma caneta para escrever um S.O.S.

Solução? Gritos! Muitos gritos de: aperta o botão vermelho! Aperta o botão vermelho! Porque apertando o botão vermelho simultaneamente com a trava da porta ela abre! Mas as portas são grossas e foi difícil, mas não impossível. Depois de 45 minutos preso o colega nº 1 entendeu, apertou o botão vermelho que ele achava que era um alarme de incêndio e saiu.

Não bastassem todas as gargalhadas em cima do caso polichinelo, outro colega, de outro departamento liga para a sala de ficção científica hoje habitada pelo chefe e um funcionário e anuncia no viva voz quando o chefe atende a ligação: atende esta merda ai!

O chefe então se identifica e pergunta quem está falando, ele diz, claro, mas já prometeu que durante os próximos 15 dias não pega nem elevador, vai ficar invisível pelo tempo que for preciso para que o chefe esqueça da merda, ou da Devlin.

Hoje quem não quer devolver um pouco do salário está com dor de estômago de tanto rir. É pra isso mesmo que eu trabalho e acho até mais divertido que a vida do Serginho que agora tem um programa sobre ela na Internet. Se eu fosse você não corria pra ver, mas eu vi no Papel Pop e no Cartas pra Pi.

Enquanto isso, em outra empresa de BH chefes fazem reunião com os subordinados avisando que vão demitir! E vão demitir pelo menos dois funcionários e que a demissão de um deles vai ser um choque para todos!

Eu nunca vi isso em toda minha vida trabalhista! Reunião para avisar que haverá demissão?! Nós sempre soubemos tudo pela rádio peão, mas ninguém tinha muita certeza até que um dia o facão começava a cortar cabeças e ficávamos todos acuados em cantos escuros na esperança de sermos esquecidos já que aqui todos temos pescoço!

Em um misto de ansiedade e medo, mais ansiedade para ser demitida que medo, Gabi oscila na insegurança do vou ou não vou ser demitida. Se for demitida é capaz de pagar a cerveja, se não for, provavelmente vai ficar decepcionadíssima! Com apenas vinte anos Gabi acha que pode se aventurar, talvez ela possa, e eu não tenho muito que fazer a não ser conversar e até rezar para que ela não seja demitida, escondido dela, né?

Eu estava tão tensa com a possibilidade de demissão “dela” que fomos assistir juntas o filme Esposa de Mentirinha! É ai que entra a Devlin, só vendo o filme para entender e aproveitar as gargalhadas. O filme é bom, as piadas são entendidas até por quem não fala inglês, e apesar de eu achar que Jennifer e Adam têm a mesma química entre o meu dinheiro e o banco, eu ri demais! E a Devlin é ótima, vou adotar!

Esposa de Mentirinha

Título original: (Just Go With It)

Lançamento: 2011 (EUA)

Direção: Dennis Dugan

Atores: Adam Sandler, Jennifer Aniston, Nicole Kidman, Bailee Madison.

Duração: 107 min

Gênero: Comédia Romântica

Sinopse

Danny Maccabee (Adam Sandler) queria um relacionamento sério, mas foi infeliz em sua tentativa de casamento. Para driblar a carência, passa a vivenciar somente namoricos e transas sem o menor compromisso. Assim, ele toca sua vida como cirurgião plástico bem sucedido, tendo sua melhor amiga Katherine (Jennifer Aniston), mãe solteira de um casal de pirralhos, como fiel escudeira. Mas um dia ele conhece a jovem Palmer (Brooklyn Decker) e a paixão toma conta de ambos. Disposto a se casar com ela, Danny pisa na bola quando, para conquistá-la, inventa que é marido da amiga, pai das crianças e que vai se separar. Começa então uma verdadeira aventura amorosa recheada de confusões de todos os tipos. (RC)

Fonte

Obs.: Assista com disposição para rir, porque quem não quer rir não ri de nada mesmo!

E como eu gosto de rir indico o Blog Descarga Abaixo, é divertido!

 

Fofocas de Marte! Copyright © 2009 Flower Garden is Designed by Ipietoon for Tadpole's Notez Flower Image by Dapino

Layout by NEIVA