Me Likeia!

07/08/2009

Fim!




Você um dia já parou para sentir a felicidade de um determinado momento? Você já foi capaz de dizer, estou feliz, estou fazendo algo que eu gosto, com gente que eu gosto em um lugar que eu gosto?

A completa felicidade não existe, o que existe são momentos em que as coisas boas superam as ruins. Você já riu até perder as forças, chegando ao ponto de deixar as lágrimas de alegria jorrarem? Você já trabalhou tanto que sentiu seu corpo ficar rígido de cansaço e as pernas doloridas de tanto se movimentarem, mas sem nunca perder o bom humor? Você já chegou em casa exausta de tanto trabalhar, mas mesmo assim estava com um sorriso nos lábios?

Você já sentiu alguma vez que aquelas pessoas que estão ao seu lado são as pessoas perfeitas para te darem o que você precisa e que você é capaz de dar a elas tudo aquilo que estiver ao seu alcance?

Você já sentou debaixo de uma árvore de lichia para descansar durante seu horário de almoço, ou apenas ficou olhando as flores do jardim enquanto tomava um café para prosseguir com mais força e vontade depois do intervalo? Você já parou na janela e olhou os ninhos de passarinhos na árvore e por um pequeno momento todo a preocupação do trabalho foi ocupada por um momento mágico que se dissolveu em novas idéias?

Se você não viveu nada disso mesmo assim você pode ter sido feliz, mas ouso dizer que não foi tão feliz como eu fui trabalhando nestes 11 anos no CPD da Aimorés, com estas pessoas e fazendo tudo o que fizemos juntos!

Cada funcionário que passou por aquela casa deixou ali um pedaço de si na minha lembrança e no meu coração. Aos que estão trabalhando comigo nestes meus onze anos de CPD, eu gostaria de dizer que jamais os esquecerei.

Cássio e Jorge amigos e companheiros especiais, Waguinho que tem uma paciência de pai comigo, Charles que tem o melhor coração do mundo, Luizinho e Gesirley que são mais que amigos e mais que queridos, Marquinho e Eduardo excelentes companheiros, Adriano e Astoni grandes amigos, Erivelto o melhor colega de sala que alguém pode ter, Márcio que eu aprendi a gostar e a respeitar e também aqueles que quase não vejo porque estão na madrugada, o Thelmo, Gustavo, Sérgio, muito, muito obrigada!

Cada um que conheci aqui é motivo de minha eterna gratidão, cada uma destas pessoas com quem eu convivi ou convivo e que agora dizem adeus a casa e se lançam no novo desafio de trabalhar em novas instalações, me fazem ser Orgulhosamente .......




 

Fofocas de Marte! Copyright © 2009 Flower Garden is Designed by Ipietoon for Tadpole's Notez Flower Image by Dapino

Layout by NEIVA